White rock by Michael Reichmann

branca pedra
por madalena pestana

"Vou-lhe dizer um grande segredo, meu caro. Não espere o juízo final. Ele realiza-se todos os dias." "La Chute" - Albert Camus

Portugal

27 setembro 2005

como um sinal de alerta

rabycallbox at merseycards

surge o telefone. vou ligar.

"- sim, mãe, sou eu...
pare de se espantar! estou viva. basta. os meus irmãos estão bem?

sim, têm de estar crescidos. claro que tenho saudades. sim...diga então? que aconteceu?

mãe, que doutor é esse de que fala? senhor? o tal senhor? qual senhor, mãe?

o Jaime? desde quando lhe esqueceu o nome?

pare com o choro e conte. não consigo ouvir nada.

sim... estou a escutá-la... "

"-... o doutor ou o Jaime, como tu lhe chamas, não existe já. "

"- que disparate é esse?!"

"- não o voltámos a ver. não voltou mais à vila. fechou-se em casa ao que dizem. trabalhava e bebia, nada mais. "

"- conte logo! "


michal-razniewski


"- uma manhã saiu de madrugada pelos caminhos da escarpa e não voltou. um pescador contou que o viu abraçar o vazio a gritar: Ondeia! e atirar-se ao mar.

o corpo? não... nem o corpo apareceu.

tens de voltar!

enlouqueceu o pobre. e por ti, filha!

filha? filha? não desligues!

desligou. "


"tens de voltar! "

não tenho não, mãe!

à morte não se volta. a morte não se teme, aguarda-se. abraça-se como ele a abraçou.

Ondeia não foi a sua vida, foi-lhe a morte.

Ondeia, não sou eu!

meu pobre querido Jaime, fica em paz!

encontrar-te-ei em qualquer mar, em qualquer rio.

beberei a tua loucura nessa água. amar-te-ei assim.



by Jody Fenton


mas voltar, não.

o comboio vai partir . não vou ficar aqui.

vou para norte. aonde me sinta mais próxima do que hoje sinto:

frio, apenas muito frio.

----------------------------------------------------------------------------------

FIM de "A Fuga de Ada"


41 pedradas:

Blogger Dizzie atirou...

-La ilusion....de se amar alguien que se constroy, y no la persona que si tiene adelante de los ojos....Jaime...:(

Las conviersas con las Madres, creo que siempre son asi..." sim, mãe, sou eu...pare de..."
"pare com o choro e conte. não consigo ouvir nada.

sim... estou a escutá-la... "

Asi, Ada, que nunca fue "Ondeia"...puede continuar con su caminada, su encontro....

besitos:)

27/9/05 7:30 da tarde  
Blogger Dizzie atirou...

-Pedra....adoro esta Musica.....cuanto la extrañava.....gracias...:)

27/9/05 7:31 da tarde  
Blogger paper life atirou...

Bjs Dizzie, atenta e carinhosa leitora das minhas longas histórias. Obrigada pelo carinho,

:)

27/9/05 8:38 da tarde  
Blogger wind atirou...

Adorei esta história. O lado dela, o passado e o presente, o comboio (tempo/viagem, sempre preentes. Lindas imagens e uma música genial:) beijos

27/9/05 8:46 da tarde  
Blogger adesenhar atirou...

que seja uma fuga para uma vida melhor !
:)

ps..
pedra + pedra = a uma pedra ainda maior!
escolheste um grande rochedo para abertura que é um encanto :)

bjks
:)

27/9/05 10:50 da tarde  
Blogger romero atirou...

esa historia es preciosa demas! me quedo con ansiedad siempre para la leer y saber su continuacion.
besossssssssssss mia amiga wapa

27/9/05 11:13 da tarde  
Blogger Dizzie atirou...

-Pedra....tu me encantas, la forma como cuentas las histórias....eso que mas me entanta.... :$
Y siempre con musica mui buena de fundo...:)
Besitos ;)

27/9/05 11:18 da tarde  
Blogger Um Olhar Sobre... atirou...

Dificilmente eu consigo o feito de me embrenhar numa estória ao ponto de a sentir minha e isso foi conseguido.Talvez porque em cada um de nós exista uma Ondeia, sempre à procura da perfeição nos outros esquecendo-nos da nossa propria imperfeição..., por vezes conseguimos uma breve aproximação e quando isso acontece, aí somos felizes.
Vou aguardar o próximo :)

Beijo muito grande, mesmo!

28/9/05 1:52 da manhã  
Blogger batista filho atirou...

Se gostei? Muito. Não consegui perceber concessões. Tinhas de contar - contaste!... e muito bem.
Valeu!!!

28/9/05 3:45 da manhã  
Blogger Daniel Aladiah atirou...

Querida Madalena
Gostei deste final... virei por aqui mais vezes.
Um beijo
Daniel

28/9/05 10:12 da manhã  
Blogger Papo-seco atirou...

:)

28/9/05 11:53 da manhã  
Blogger paper life atirou...

:D
Aos meus poucos mas pacientes e bons leitores, o meu muito obrigada.

Bjs.

:)

28/9/05 11:59 da manhã  
Blogger Ana Maria atirou...

estou arrepiada-muito belo.
porque não estás nos meus favoritos.
não me perdoo.
um jinho grande

28/9/05 12:35 da tarde  
Blogger André Ferreira atirou...

Adorei a ler a tua história, este final foi muito do meu agrado. Ondeia nome próprio, acção, amor. Gostei da maneira como usaste a palavra, como a própria palavra foi personagem da história.
Beijinhos

P.S.- e agora para onde te mudas?

28/9/05 2:35 da tarde  
Blogger Quem sabe... atirou...

-Ás vezes amamos o que gostariamos que o outro fosse, e não aquilo que ele é....:(

Ada, agora vai saber encontrar o seu "eu"...e concerteza sem voltar a permitir que lhe façam isso de novo...

Mães.....:)....são deliciosas....mesmo qd são assim....e qd bate a saudade desses momentos que por vezes nos fazem perder a paciência....até sorrimos :)

bjs salgados :)

28/9/05 2:56 da tarde  
Blogger adesenhar atirou...

passei mais uma vez para reler esta parte final :)

:)

bjks

28/9/05 4:42 da tarde  
Blogger Um Olhar Sobre... atirou...

Estava a precisar de abastecer o meu regaço, vim ca reler mais uma vez a história e de cada vez que a leio, encontro novas formas de a vir ler uma vez e outra e outra.
Beijo

28/9/05 7:14 da tarde  
Blogger paper life atirou...

( e eu a pensar que ninguém ia ter paciência para ler isto...)

Vocês são todos uma ternura. Obrigada. Beijos.

:)

28/9/05 8:13 da tarde  
Blogger Maria do Céu Costa atirou...

Foi agradavel ler este seu texto situado em tempos diferentes. Continue. Cumpriemntos.

28/9/05 9:19 da tarde  
Blogger lique atirou...

E lá tive que ler tudo! :)) Como não? Sempre a fuga para uma realidade diferente. Ondeia... bonito, isso! Beijinhos e obrigada por mais aquela prenda!

28/9/05 11:22 da tarde  
Blogger Dizzie atirou...

-Pedra, como no iba a tener paciencia ?? :0

Me encanta demas, tus historias, la forma como encadenas todo el enredo....

Y siempre me sorprendes con bellisima musica :)
besitos ***

29/9/05 2:42 da manhã  
Blogger batista filho atirou...

Já percebeste que quase não comento as imagens que postas?... é que me prendo por demais nas tuas palavras.
Mas hoje (hoje aqui, é claro, pois aí já é amanhã! lolol!), finda a leitura e feita a releitura, fiquei a admirar as imagens: essa pedra grandona e bela, esse caminho de pedras... que maravilha!
Um beijo, amiga.

29/9/05 3:50 da manhã  
Blogger Lmatta atirou...

Olá
Bela história. gostei muito
Beijos

29/9/05 4:09 da tarde  
Blogger Caracolinha atirou...

Querida !!!! Afinal estás aqui ... o mocho disse-me que o teu blog tinha terminado e eu estava para aqui à nora ... queres acreditar que já aqui tinha vindo comentar sem sequer me ter apercebido que este blog era teu ????

Sou mesmo uma caracolinha desmiolada !!!!

Que feliz fico por saber que esta pedra és tu ... estava com saudades e pronta para te mandar um mail para saber como estavas e por onde estavas na blogosfera ... ma agora que regressei para repousar nesta pedra é que reparei no teu nome !!!!

Uma beijoquinha muito GRANDE para ti plena de felicidade por te ter encontrado !!!! ~:o)

29/9/05 5:35 da tarde  
Blogger Caracolinha atirou...

Vou já a correr linkar-te.... CLARO!!!!!

Bjito ~:o)

29/9/05 5:37 da tarde  
Blogger romero atirou...

Me encantó y estoy a espiera que venga otra:)
sabes que mas ?:)
te quiero mucho bien.
Besos

29/9/05 9:33 da tarde  
Blogger Lumife atirou...

Pedra quantas saudades já sentia das leituras do teu blog. Mas hoje é só para te saudar pois não vai chegar o tempo para uma leitura como merecem os teus textos. Voltarei calmamente para os saborear.

Beijos

29/9/05 11:00 da tarde  
Blogger Furão atirou...

Independentemente do que eu achei, pois sabes que não gosto de colocar comentários apenas com elogios (neste caso mais do que merecidos), deixa-me dizer-te que soube a pouco. Queria mais, muito mais. Senti-me companheiro de viagem nesta "fuga" e de repente vi que o "comboio" tinha desaparecido cedo demais. Apetecia-me "empurrar" esse maravilhoso final bem mais para a frente para deixar um espaço em branco, onde coubessem mais estações, apeadeiros e estados de alma. Mas não me posso queixar dos que partilhei aqui.

Bjs

30/9/05 1:02 da tarde  
Blogger batista filho atirou...

Nunca te senti virtual, porque não o és. A porta estará sempre aberta para recebê-la, irmã. Um abraço fraterno.

11/10/05 11:21 da manhã  
Blogger Caracolinha atirou...

Olá querida ... regressada de uns dias de férias asemana passada, aqui estou eu para te deixar aquele abraço e te dizer que AMEI a teia que nos deixas no post anterior ... mas lá não encontro espaço para deixar comentário ... por isso ... fica mesmo aqui ...

Beijoquinha encaracolada ~:o)

11/10/05 11:42 da manhã  
Blogger Papo-seco atirou...

PORRA!!!!!

:(

11/10/05 12:50 da tarde  
Blogger Mocho Falante atirou...

Fiquei sem folego com o que acabei de ler, ao som de uma música mágnifica...obrigado pela partilha

bem haja

11/10/05 5:48 da tarde  
Blogger Caracolinha atirou...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

11/10/05 7:37 da tarde  
Blogger Caracolinha atirou...

Querida, achei por bem vir aqui deixar mais este comentário porque, obviamente, fico triste pela decisão que tomaste, mas achei muito bonita a forma que escolheste para nos transmitires isso ...dai ter dito que amei a teia que nos deixaste ... sei que nos levas contigo e acho que sabes que ficas connosco ... ainda assim compreendo-te porque é fundamental respeitarmos as nossas decisões e termos o nosso espaço quando precisamos dele ...

Por favor continua a visitar-nos e continua connosco. Porque nos fazes falta.

Outra beijoquinha encaracolada ~:o)

11/10/05 7:39 da tarde  
Blogger Lumife atirou...

Sempre te esperarei com profunda amizade. Este mundo virtual tem destas coisas como na vida real: quando gostamos gostamos mesmo.

Beijos já de saudade

12/10/05 1:01 da manhã  
Blogger Lumife atirou...

Já que trancaste a porta de entrada venho pela do quintal desejar-te um bom fim de semana.

Beijos

14/10/05 10:38 da tarde  
Blogger paper life atirou...

ela nunca tranca as portas abre é novas janelas se o ar está poluído. aconteceu.

14/10/05 10:51 da tarde  
Blogger O Micróbio atirou...

História fria... muito fria! Bom fim de semana! :-)

21/10/05 3:03 da tarde  
Blogger paper life atirou...

Obrigada a todos!

Passei por aqui por causa do comentário do "micróbio".

Quem sabe a história aquece no blog aqui perto de si? quem sabe? :)

BFS

21/10/05 6:35 da tarde  
Blogger Helder Ribau atirou...

é bom sentir que a blogosfera tem blogs como este...

ditosecontos.blogspot.com

16/5/06 6:28 da tarde  
Blogger Ruth atirou...

I recently came across your blog and have been reading along. I thought I would leave my first comment. I don't know what to say except that I have enjoyed reading. Nice blog. I will keep visiting this blog very often.

Ruth


http://www.infrared-sauna-spot.info

19/12/08 9:05 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home